Você já teve a experiência de encontrar uma pessoa desconhecida e começar a conversar com ela sobre assuntos de interesse mútuo de ambas as partes e a conversa rende horas sem que vocês percebam o tempo passar? É ótimo quando temos conversas assim, melhor ainda, quando formamos uma amizade duradoura com a pessoa desconhecida.

Oi, leitor pra você que chegou neste Post, o título acima corresponde a 2º lição da CPAD para a classe de Jovens do 2º trimestre de 2018.

Lições Bíblicas 2° Trimestre de 2018 - Jovens Professor – CPAD

Foi o que ocorreu entre o apóstolo Paulo e a igreja de Tessalônica; Paulo conheceu os primeiros irmãos após um discurso que fizera na sinagoga judaica da cidade. Alguns dos  tessalonicenses presentes na reunião sentiram interesse em ouvir mais a respeito do evangelho de Cristo que Paulo anunciava, marcando com este uma nova reunião; Na reunião seguinte, Paulo aproveitou para falar de Cristo e de sua própria vida e como havia sido feito apóstolo de Cristo, contudo, como nos dias de hoje, as pessoas se interessam mais pelos nossos momentos de lutas e superação do que pelas nossas vitórias ou vantagens, foi o que ocorreu na conversa de Paulo com os tessalonicenses, que foram tocados pelas adversidades que Paulo enfrentava para anunciar o evangelho de Cristo; A conversa rendeu bons momentos de risadas e descontração, além disso, foi nesta conversa que a igreja de Tessalônica foi formada com a conversão dos primeiros cristãos, porém, tudo que é bom chega ao fim… Os judeus enciumados pela amizade de Paulo para com os tessalonicenses, começaram uma perseguição implacável contra a vida do apóstolo, ao ponto de O obrigarem a sair da cidade na calada da noite, entretanto, a perseguição acabou por sedimentar a amizade que Paulo fizera com a igreja de Tessalônica, que percebeu o quanto o apóstolo sofrerá por amor a eles; Paulo, por sua vez, passou a amar aquela igreja que aceitou o evangelho de Cristo com fé e entusiamos, além disso, o apóstolo não era bem visto por sua comunidade étnica, contudo, em Tessalônica, ele sentiu-se acolhido por aquela comunidade multiétnica de irmãos;

Algum tempo depois de ser expulso da cidade, Paulo escreveu a sua 1º carta aos tessalonicenses, a fim de exorta-lós a manter a fé e a esperança em Cristo, nesta carta podemos perceber o quanto o apóstolo amava a igreja de Tessalônica, havia naquela comunidade três características que atraia a atenção e cuidado de Paulo para com aquela igreja;

A primeira  das características era a fé ativa daquela gente. A falta de fé sempre foi um empecilho para ação divina na vida das pessoas. O senhor Jesus condenou Cafarnaum, Corazim e algumas outras cidades ao completo esquecimento, devido a falta de fé de seus habitantes; De fato, o senhor Jesus ficava alegre e estarrecido quando encontrava fé ativa em estrangeiros que não conheciam a lei de Deus e nem sabiam da historia de Israel, contudo, não encontrava a mesma fé no povo judeu. Paulo se deparou com este problema, na sinagoga de Tessalônica, entre o povo judeu. Os judeus não conseguiam crer no evangelho de Cristo, mesmo com os sinais e maravilhas realizados pelos apóstolos, entretanto, os tessalonicenses ficaram maravilhados com poder de Deus e a ação sobrenatural do Espirito Santo personificados no trabalho e no testemunho de vida dos apóstolos; O resultado do despertamento da fé nos cristãos de Tessalônica, logo se fez notório: Creram na mensagem que Paulo anunciava, como  também, tomaram parte na propagação dela por toda a Macedônia;

A segunda característica dos cristãos tessalonicenses era o amor abnegado. A província da Macedônia não era uma província rica como as províncias da Ásia menor, além disso, os cristãos tessalonicenses não estavam no extrato da classe econômica mais rica da cidade, contudo, isto nunca os impediu de ajudarem os demais cristãos em dificuldade, nas demais províncias romanas. Em Atos dos Apóstolos, todas as vezes em que Paulo pedia contribuição financeira para ajudar os cristãos da judéia, a igreja da Macedônia era a mais proativa na arrecadação de fundos;

A terceira característica que Paulo gostava nos cristãos tessalonicenses era a esperança responsável. Os primeiros cristãos tinha dificuldades de entender que a volta de Cristo para buscar a sua igreja, não significava que estes deviam deixar seus afazeres domésticos de lado, para esperarem pelo salvador. Os cristãos tessalonicenses entenderam bem a doutrina paulina do arrebatamento. Eles criam na volta de Jesus em seu tempo, contudo, nunca deixaram de trabalhar e seguir o curso natural da vida, enquanto, esperava pela redenção. Como sabemos, Cristo não retornou na época em que os cristãos de Tessalônica viviam, contudo, os Tessalonicenses morreram na fé que um dia serão ressuscitados para se encontrarem com o Senhor na Nuvens. E você leitor, tem esta esperança?

Cristianismo Eficaz

A igreja de Tessalônica foi uma das igrejas fundadas por Paulo, que mais rendeu frutos de justiça. Os cristãos tessalonicenses passaram a ser reconhecidos por sua fé e pelo seu testemunho, não só por Paulo, mas principalmente pelos pagãos que viviam na região. a postura dos cristãos tessalonicenses havia sido radicalmente mudada após se converteram ao evangelho de Cristo. Eles não permitiam o amoldar ou comprometer-se aos antigos costumes e práticas pagãs. Este comprometimento com evangelho de Jesus, rendeu perseguições aos cristãos, contudo, glorificou o nome de Deus naquela comunidade, além disso, devido a mudança radical de vida, novos convertidos foram acrescidos a comunidade cristã;

Nos dias atuais muitas igrejas precisam inventar meios e estrategias para trazer o povo ao templo. O apóstolo Paulo ressalta que foi somente o poder de Deus e o agir do Espirito Santo para que a comunidade cristã de Tessalônica fosse formada; Paulo deixou claro aos seus amigos de Tessalônica que não havia sincretismo religioso entre o evangelho de Cristo e as religiões e filosofias pagãs de sua época, ou os tessalonicenses rejeitavam as práticas pagas ou rejeitavam o evangelho. Para alegria de Paulo, os cristãos de Tessalônica entenderam bem o que isso significava! A comunidade  cristã tessalonicense rompeu com o passado pagão e colocou Deus no centro de suas vidas. Que hoje, nós possamos tomar a mesma decisão! Reconhecer a soberania de Cristo sobre o mundo.

Se este artigo gerou valor positivo para sua vida, eu tenho 2 livros, físico e e-book, publicados na Amazon que podem abençoar ainda mais a sua vida.Saiba como venci a depressão e ansiedade e como aprendi a conviver em paz com a minha família. Baixe o aplicativo Kindle  gratuitamente para o seu Smartphone ou computador.

As 10 Lições que aprendi com José

jose-pq

As 10 Lições que aprendi com o profeta Elias

elias-pq

Anúncios