Já parou para pensar: Por que as pessoas usam drogas?

Recentemente  estive em um julgamento onde o réu confesso, foi condenado há alguns de anos de cadeia por matar uma mulher devido ela ter recusado fazer sexo com ele, sem que houvesse pagamento pelo programa sexual. Enquanto desenrolava o julgamento, notei que o réu parecia estar arrependido pelo ato que cometerá, sob efeito do crack, onde ambos, agressor e vítima, usaram o entorpecente anteriormente ao fato ocorrido. A primeira vista é fácil condenar o usuário de drogas, afinal, foi um caminho que ele escolheu, entretanto não podemos deixar de observar as influências culturais causadas pelo pecado que o levou ao uso de entorpecentes.

Neste artigo, quero deixar uma análise bíblica do porquê as pessoas entram no mundo das drogas. Há algum tempo venho pensado neste assunto, e creio que direcionado pelo espírito santo, posso elencar as causas, do ponto de vista bíblico,  que levam o uso de drogas pelas pessoas ao nosso redor.

As causas que levam as pessoas a usarem Drogas

  1. A infância sem a presença do pai dentro de casa.

A primeira instituição humana criada por Deus foi à família. O criador deixou claro como a família deveria proceder. O pai seria o responsável pela provisão de alimentos e segurança para a família, a mãe seria responsável pela prole enquanto esta estivesse na infância, além disso, seria ela quem ensinaria as primeiras lições de sobrevivência, religiosidade e bons modos aos filhos, contudo, o respeito à ordem e a hierarquia eram responsabilidades do pai. Infelizmente a sociedade atual deixou de reverenciar as normas sociais e familiares impostas por Deus. Os pais deixaram de serem os responsáveis pela segurança do lar, ao invés de se tornarem o exemplo da casa, muitos deles negligenciam a sua prole.Outros estão mais preocupados com seus desejos e ambições pessoais que se negam a prover seus filhos com uma boa educação,saúde e lazer, tais pais não dispõem de tempo para seus filhos.

É justamente de famílias, onde não existe a presença efetiva do pai,  como provedor e autoridade familiar, que surgem criminosos, prostitutas e drogados. O rapper Tupac Shakur, em um momento de lucidez, disse: “ eu  sei de fato que se tivesse tido um pai, eu teria disciplina e seria mais confiante”, o próprio rapper admitiu que começou a andar com gangues justamente para usufruir de privilégios que um pai pode garantir a um filho:estrutura e proteção. Infelizmente para Tupac, tais privilégios vieram acompanhados de cocaína e crimes.

 O fato é que meninos que não tem a referência masculina dentro de casa acabam por não aprender o respeito às leis e a hierarquia de forma saudável, além disso, passam a infância sem saber o que é a proteção de um pai, de forma que em qualquer situação grave, sabem que só pode contar com eles mesmos ou com alguns ‘amigos’ de uma gangue, não demora muito e estes meninos estão no mundo crime.

Em relação às mulheres não é diferente. O primeiro namorado de uma garota é o seu pai. Quanto maior for admiração de uma menina por seu pai, maiores são as chances dela procurar um parceiro que se assemelhe a ele. Por outro lado, garotas que não cresceram na companhia do pai, se tornam mulheres propensas a dependerem excessivamente da atenção masculina. Mulheres assim, iniciam a sua vida sexual ainda na adolescência devido à carência por cuidado e proteção masculina e ao longo da vida, acabam por ter vários parceiros sexuais, sendo que geralmente não conseguem ficar satisfeitas com nenhum deles. Em relação às drogas, é comum que garotas criadas sem a presença do pai, acabem se relacionando com homens que também não tiveram seu pai por perto na infância, infelizmente, na maior parte das vezes, o parceiro acaba por levar a mulher a se envolver no mundo do crime e das drogas;

Por fim, a falta da presença do pai na infância de seus filhos, faz com que este percam a referência religiosa, já que cabe ao pai ser o sacerdote da família, é ele quem deve apresentar Deus aos seus filhos, caso falhe nesta missão, seus filhos não terão respeito por Deus e nem pelo sagrado.

2.A perca do respeito por de Deus

A primeira instituição humana criada por Deus foi à família. O interessante é que ele fez isso através de sua família divina, seu filho estava ao seu lado e através dele tudo o que existe se fez. Não obstante todo o plano divino para o bem da humanidade envolve e se inicia na família, contudo foi justamente a família que satanás atacou para tentar impedir o plano divino. O motivo é que a família é a principal instituição humana responsável por levar o ser humano até Deus, uma família unida e saudável engrandece e honrar o criador, pois está seguindo a sua palavra, mesmo que não o conheça. Entretanto, com a desestruturação familiar motivada pela ausência de homens responsáveis na criação de seus filhos, o temor e o respeito ao sagrado e a palavra de Deus esta se esvaindo. Na medida em que as pessoas perdem o respeito por Deus e pela sua palavra, a bíblia declara que Deus as larga de lado (rm 1.24), isso quer dizer que o criador já não intervém na vida destas pessoas. Um dos resultados causados pela não intervenção de Deus na vida das pessoas é uso cada vez maior de entorpecentes ou a prática de perversões sexuais, a fim de cobrir o vazio existencial deixado pela falta da presença do criador.

  1. Fora dos planos divinos

Deus tem um propósito único e individual para cada ser humano vivo na terra, entretanto, para que este plano se cumpra integralmente na vida humana, é necessária a prestação de obediência por parte do ser humano a Deus. Porém se uma pessoa perde o respeito por Deus, consequentemente não o  obedece,afinal , não respeita a sua vontade contida em sua palavra, logo, Deus não executa o plano que ele tinha para aquela pessoa. Contudo, quando o ser humano fica longe dos planos de Deus, ele perde o motivo de sua existência, já não há mais sentido em sua vida, afinal, Deus criou o ser humano para a sua Glória, contudo se este não consegue glorifica-ló através de sua vida dentro do plano divino, não mais motivo para existir, não existe um ideal que mova, que de razão a sua existência.

Toda pessoa que não tem razão para existir começa a se matar aos poucos. Seja através de drogas, depravação sexual ou pela angustia e depressão. De uma forma ou de outra, a pessoa que não tem motivo para existir, busca a morte a conta gotas. Sua vida se torna uma constante busca por meios de satisfação da angustia e da solidão existencial.

  1. Vida de Iniquidade

    amy drogada

A medida que uma pessoa perde o respeito por Deus e pela sua palavra e como conseqüência é rejeitada pelo criador, ela passa a se aprofundar cada vez mais no pecado. A sua mente é cauterizada para o mundo espiritual, isto significa, que esta  já não consegue mais ter sensibilidade espiritual e o pior de tudo: se torna cada vez mais revoltada contra Deus e contra a sua palavra. Quando uma pessoa chega neste estágio de revolta e desobediência contra o criador é praticamente impossível que esta pessoa encontre a salvação. Na medida em que vai vivendo na iniquidade (pratica constante do pecado) tal pessoa perde suas características humanas e se assemelha cada vez mais com Demônios. Em tais casos, somente a intercessão de um  justo e a maravilhosa graça de Deus para mudar tal situação. Caso contrário, as drogas ou a vida de pecados acabaram por levá-la ao inferno.

Se este artigo gerou valor positivo para sua vida, eu tenho 2 livros, físico e e-book, publicados na Amazon que podem abençoar ainda mais a sua vida.Saiba como venci a depressão e ansiedade e como aprendi a conviver em paz com a minha família. Baixe o aplicativo Kindle  gratuitamente para o seu Smartphone ou computador.

As 10 Lições que aprendi com José

Em E-Book e Livro Físico.

jose-pq

As 10 Lições que aprendi com o profeta Elias

Em E-Book e Livro Físico.

elias-pq

Anúncios